Reportagem Covid-19 e Agricultura
UOL

Menu pós-pandemia: Covid-19 impacta a dieta de todo mundo, no mundo todo

Juliana Sayuri 
01/05/2020

Em tempos de lives e videoconferências urgentes, o americano David Beasley foi direto: "Estamos à beira de uma pandemia de fome", advertiu o diretor do Programa Mundial de Alimentos ao Conselho de Segurança das Nações Unidas no dia 21 de abril. Segundo a ONU, a pandemia de Covid-19 pode provocar uma catástrofe de "proporções bíblicas", dobrando o número de famintos para 265 milhões mundo afora.... -

Pela primeira vez, três titãs (FAO, OMC e OMS) declararam conjuntamente o risco de uma crise alimentar. O informe de 31 de março alerta que as incertezas provocadas pela pandemia podem gerar ondas de restrições à exportação -- o que pode levar à escassez no mercado mundial. Mas o que quer dizer uma "crise alimentar mundial"? Nu e cru, quer dizer que a pandemia pode afetar a dieta de todo mundo, no mundo todo. "A comida pode não chegar ao prato porque faltou braço para colher, caminhão para entregar, tripulação no navio de carga, armazém para estocar, feira para vender", exemplifica Juliana Tângari, diretora do Instituto Comida do Amanhã. E é grave porque a pandemia atual se justapõe a uma "sindemia" global antiga, que se refere a três crises simultâneas (obesidade, má nutrição e mudanças climáticas).

...

"Países que dependem desses produtos, especialmente itens básicos como arroz e trigo, correm o risco de terem dificuldade em conseguir alimentos suficientes ou a preços 'normais'. Lembrando que o arroz é a principal fonte de carboidratos nos países asiáticos", diz Saulo Pio Lemos Nogueira, do Instituto de Relações Governamentais (IRelGov). "A imposição de restrições gera instabilidade no mercado, o que impacta os países mais pobres, como a África subsaariana", define.

...

Pós-pandemia

"No Brasil, as mudanças devem ser menores, pois a capacidade produtiva da nossa agricultura afasta riscos de falta de alimentos. Mas é evidente que continuará existindo o problema de chegar nas regiões mais afastadas ou pobres no país. O risco de a população mais carente não ter condições de comprar comida já se materializou e precisa ser enfrentado agora" Saulo Pio Lemos Nogueira, Instituto de Relações Governamentais, Belo Horizonte. 

Reportagem completa no UOL: https://tab.uol.com.br/noticias/redacao/2020/05/01/menu-pos-pandemia-covid-19-impacta-a-dieta-de-todo-mundo-no-mundo-todo.htm

#Covid19 #Agricultura #Exportação 

'Saulo Nogueira - Assessor de Acesso a Mercados na Abrafrutas'